Saraiva testa a entrega de produtos comprados online no mesmo dia em SP

Por Mercado E-Commerce | 28 de maio de 2014

A Saraiva começou a testar no dia 20/05/14 a entrega de produtos comprados pelo e-commerce da rede no mesmo dia. Chamada de Desafio Saraiva, a ação promete levar ao consumidor produtos adquiridos até as 15h no site e pagos com cartão de crédito. A entrega é programada até as 22h.

Segundo a varejista, mais de 35 mil produtos, como games, DVDs e livros, carregam o selo “Entrega no mesmo dia” e estão contemplados pela ação. Caso o prazo prometido não seja cumprido, a empresa promete um reembolso para o cliente. A Saraiva afirma que vem estudando a inclusão de outros produtos, assim como levar o sistema para Rio de Janeiro e Salvador. Não há data confirmada ainda, contudo.

A entrega no mesmo dia se tornou uma das fixações dos players global de e-commerce no últimos dois anos. Desde 2012, a Amazon vem investindo centenas de milhões de dólares para construir centros de distribuição mais próximos às grandes cidades para entregar produtos rapidamente ao consumidor. Até hoje, a entrega no mesmo dia da Amazon, chamada de Local Express Delivery, está disponível em cidades acquire Antabuse como Baltimore, Seattle e Washington.

Também em 2012, outros dois gigantes do varejo se arriscaram na área. O Walmart passou a testar ação semelhante em cidades como San Francisco, San Jose e Denver. Já o eBay lançou seu Now em Nova York e San Francisco no fim de 2012. Até o fim deste ano, o site pretende que o sistema esteja implementado generic nolvadex buy Lasix em 25 cidades pelo mundo.

Em 2013, foi a vez do Google, com uma abordagem diferente. Como não vende diretamente produtos (com exceção da linha de smartphones e tablets Nexus), a empresa, com seu Shopping Express, vai buscar em lojas como Target, Walgreens, Staples e Toys R Us compras feitas por quem mora em Los Angeles, Manhattan e San Francisco e as entrega em casa algumas horas depois.

 

Fonte: Época Negócios – Tecneira

 

Comentários

Comentários

Tags: , , , ,

Categorias: Notícias

Leia Também

Receita estuda acabar com isenção para compra online no exterior
Facebook começa a vender anúncios em vídeo no Brasil
Brasil ganha câmara arbitral especializada em TI e e-Commerce
Facebook: porque criar uma página (fanpage) e não um perfil?